sexta-feira, 2 de Dezembro de 2011 11:22h Paulo Reis

Quadrilha rouba celulares e computadores em Pará de Minas

Quatro homens foram presos após assaltar uma loja de informática na rua São Paulo, centro de Pará de Minas na manhã da última quarta-feira (30).
Segundo relato das vítimas, três indivíduos invadiram a loja e renderam 10 pessoas, entre funcionários e clientes. Com uma arma de fogo, eles mandaram que todos ficassem quietos e não reagissem.
O assalto foi muito rápido, porém o suficiente para que os homens conseguissem roubar 13 telefones celulares, 9 computadores de mão (notebooks), as carteiras das vítimas com documentos e dinheiro, além de outros equipamentos de informática. A ação foi registrada pelas câmeras de segurança do local.


Eles saíram do estabelecimento transportando tudo em mochilas e entraram em um veículo Gol, cor vermelha, que estava estacionado nas proximidades com o quarto bandido que era o motorista. De imediato a polícia foi acionada e realizou um rastreamento nas mediações.
O Tático Móvel, esteve presente com duas viaturas. Estas desciam a Avenida Ovídio de Abreu, quando perto do terminal rodoviário, os suspeitos foram vistos em outra pista sentido ao trevo da cidade. Os militares retornaram e deram início à perseguição.


De acordo com os militares, o carro da quadrilha rodou no túnel do trevo de Pará de Minas, mas o motorista conseguiu controlar a direção e continuou sentido Belo Horizonte. O Gol dos criminosos foi interceptado nas proximidades de um motel e os quatro suspeitos presos em flagrante.
Ainda segundo a Polícia Militar, o motorista do veículo somente parou o carro porque um dos pneus estourou ao atingir o canteiro que dá acesso a uma estrada vicinal. O homem que estava armado apontou o revólver para as viaturas e houve troca de tiros, porém sem que ninguém fosse ferido. O revólver usado no crime foi apreendido e estava carregado com cinco cartuchos.


O comandante da 19ª Companhia Independente,  Major Rodrigo Teixeira Coimbra, fez parte da equipe que perseguiu o veículo pela BR-262. O oficial disse que o barulho feito quando o Gol ficou sem controle no túnel chamou a atenção dos policiais que estavam no quartel. Major Rodrigo salienta que todos os produtos roubados foram recuperados.
Os suspeitos têm entre 20 e 30 anos, e são moradores da cidade de Betim, na região metropolitana de Belo Horizonte. Eles são considerados de alta periculosidade e apenas dois deles confessaram a autoria do roubo.
Os suspeitos foram encaminhados para a 3ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Pará de Minas e autuados em flagrante por roubo, porte ilegal de arma de fogo e formação de quadrilha. Eles foram levados para a penitenciária Pio Canedo à disposição da justiça.
Conforme a Polícia, o veículo usado pela quadrilha, o Gol GL 1.8, cor vermelha, foi furtado em Ibirité, na última terça-feira (29). O carro também já foi devolvido ao seu proprietário.
Minutos antes do crime, o juiz Criminal da Comarca de Pará de Minas, doutor Ricardo Sávio de Oliveira, esteve na loja e por muito pouco não foi uma das vítimas do bando.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.