terça-feira, 13 de Dezembro de 2011 14:00h Atualizado em 13 de Dezembro de 2011 às 14:01h. Luciano Eurides

Tupi é campeão amador

O Tupi da cidade de Carmo do Cajuru sagrou-se campeão amador na manhã do último domingo. O time venceu no tempo normal, por 2x1, com dois gols de Léo e nos pênaltis o Padre Eustáquio errou mais, e o Alvinegro Cajuruense ficou com o quinto título da história do Clube. A partida foi disputada no Vermelhão, que é o Campo do Independente em São José dos Salgados. A competição é promovida pela Liga Municipal de Desportos de Divinópolis (LMDD).


O jogo foi bom, leal e teve as duas equipes lutando o tempo todo para vencer a partida. A obrigação de vencer era do Tupi, pois a equipe havia perdido por 2x0 na partida de ida. Assim a equipe passou a ditar o ritmo de jogo. Aos 33 minutos de jogo,em um cruzamento da direita o centro avante Léo fez o primeiro gol do jogo. O Tupi estava melhor em campo, mas o gol acordou o time do bairro Planalto que também criava jogadas perigosas.
No segundo tempo o Padre Eustáquio voltou melhor, aos cinco minutos Tetinho empatou o jogo e o time divinopolitano ainda teve chances de ampliar. Helder quase marcou do meio campo, pegando de primeira e por pouco não surpreendeu o goleiro Liquinho. Betinho também teve grande chance. A bola alçada na área por Helder, Biquinho desviou de cabeça e Betinho tocou para Liquinho se esticar todo e fazer a defesa. Com tantos sustos o time teve de sair para o jogo e aos 16, Léo entrou sozinho pela direita, tirou o goleiro Zé Carlos e marcou o segundo gol do time Cajuruense.
O forte calor, as jogadas muito rápidas e intensas, levou as duas equipes a exaustão. Os atletas tentavam acertar, faziam as jogadas o melhor possível, mas o cansaço foi crescendo. O Tupi ainda colocou André para tentar na velocidade chegar a ampliar o marcador, já o Padre Eustáquio apostava em Valdo. O tempo passou e o placar ficou mesmo 2x1 e a decisão seguiu para os pênaltis.


Na primeira série de cinco cobranças para cada time Pablo fez 1x0 Tupi, Tetinho empatou. Dinei colocou o Tupi a frente,2x1.  Caldense chutou para fora. Léo também isolou a bola e Ronaldo, empatou em 2x2. André fez para o Tupi e Wallison para o Padre Eustáquio. Na quinta cobrança Zé Carlos defendeu e foi para a quinta cobrança quando Liquinho fez grande defesa e empatou e série em 3x3. Nas cobranças alternadas, Gú fez para o Tupi e Liquinho defendeu a cobrança de Helder dando assim o titulo ao alvinegro de Carmo do Cajuru.


O time campeão com Liquinho, Leandro (Jonatas), Willian, Dinei, Pablo, Gu, Bruno, Paulo (Diego), Cabeça (André). Leo e Rinaldo
O Padre Eustáquio vice-campeão com Zé Carlos, Fiqgueroa, Fernandão, Robson (Wallison) e Edgar. Nildão (Ronaldo), Biquinho, Caldense e Helder. Betinho (Valdo)e Rodrigo (Tetinho).
A arbitragem ficou a cargo de Enilson Ferreira e se impôs em campo, não influenciou no resultado e contribuiu para as equipes jogarem na bola. Os auxiliares Silvio Oliveira e Claudio Conceição tiveram também um bom trabalho.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.