quarta-feira, 30 de Novembro de 2011 13:54h Luciano Eurides

Guarani pronto e escalado para enfrentar o Boa

O Guarani seguiu na tarde de ontem para Varginha onde enfrentará na noite de hoje o Boa Esporte pela Taça Minas Gerais de Futebol. O time fez ontem um recreativo na parte da manhã, houve uma folga no período da tarde e já no início da noite a equipe seguiu viagem.  O jogo programado para as 20h é valido pela primeira partida das semifinais. O Ipatinga já é um finalista.


A preparação do Guarani começou logo após a vitória sobre o Nacional de Nova Serrana. O time fez posicionamento, finalização e recuperação física. Como a partida então remarcada o técnico Gian Rodrigues ganhou tempo para recuperar jogadores importantes, como Tiago Carvalho, sentia fortes dores nas costas e hoje está em plenas condições de jogo. Marinho recebeu uma pancada na altura do joelho e também reestabelecido e concentrado.
Gian Rodrigues deve mandar a campo a mesma formação utilizada na partida frente o Nacional, embora ainda tenha uma viagem a ser encarada a equipe deixou Divinópolis escalada com Tiago Régis, Rafael, Bruno Maia, Cleberson e Junior. Tiago Carvalho, André, Michel Elói e Robertinho. Robert e Marinho.


O esquema de jogo é 4-4-2 com três volantes que saem para o jogo e muitas vezes com a bola, Robertinho vira terceiro atacante. Michel Elói tem dado consistência ao meio campo e assim a expectativa é de outra grande partida do Bugre divinopolitano.
A maior preocupação é com o numero de gols sofridos. A equipe sofreu 18 gols em dez jogos, e foi a segunda pior defesa da primeira fase, só contra o Nacional o time sofreu quatro gols e existe uma cobrança muito forte por atenção, tanto dos zagueiros como dos volantes. Por outro lado o time marcou 19 gols. O melhor ataque da primeira fase. A dupla de atacantes do Bugre dividem a liderança da artilharia da competição. Marinho e Robertmarcaram sete gols cada.
A arbitragem foi definida pela Federação Mineira de futebol e todos com nível CBF. Renato Cardoso Conceição apita o jogo. Ele será auxiliado por Celso Luiz da Silva e Marconi Helbert Vieira. A novidade está no árbitro reserva. Francielli da Costa Bento (Fifa) teve um desentendimento com o técnico do Guarani na partida de ida. Certamente, por parte de Gian Rodrigues não haverá problema, ele é bastante tranquilo antes, durante e depois dos jogos.

 

Final


O Ipatinga carimbou o seu passaporte para a decisão da Taça Minas Gerais. Com o regulamento debaixo do braço, o Tigre foi a Nova Lima, na tarde deste domingo, e perdeu para o Villa Nova por 2 a 0, no jogo de volta da semifinal. Como havia vencido o primeiro confronto por 3 a 0, no Ipatingão, o quadricolor é o primeiro finalista da competição estadual.


Os gols do Villa Nova foram marcados na 1ª etapa. Aos 14 minutos, de cabeça, Robson fez o primeiro do time de Nova Lima. Sete minutos depois, Ualisson ampliou o placar. O grande destaque do Tigre na partida foi o goleiro Bruno, que fez grandes defesas para garantir o Tigre na decisão.
O adversário do Ipatinga na grande final da Taça Minas sairá do confronto entre Boa Esporte e Guarani. As duas equipes iniciam os jogos da fase semifinal na próxima quarta-feira, em Varginha. Por ter feito melhor campanha, o Boa Esporte joga por dois placares iguais.
A Federação Mineira de Futebol já agendou a primeira partida da final para o dia 7 de dezembro. A segunda acontecerá no dia 10. O campeão garante vaga na Copa do Brasil de 2012.
 

 

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.